Segunda-feira, 7 de Setembro de 2020
Reflexões breves de Setembro de 2020

 

1- LEVANTAR CALÇADA BELA E COLOCAR EM SEU LUGAR EMPEDRADO FEIO OU COMO AS CÂMARAS FAVORECEM OS SEUS EMPREITEIROS... 5 de Setembro de 2020. Frente ao cinema Melius, em Beja, há uma paragem de autocarro. Passo aí e fico espantado e desiludido: mandaram os operários arrancar as pedras de calcário branco, que faziam um belo passeio, e começaram a colocar grandes blocos de pedra cinzenta, feia. E os moradores da zona não protestam? E a Associação de Defesa do Património nada diz? A câmara municipal (ou melhor 4 pessoas, um directório restrito: o presidente Dr. Paulo Arsénio e 3 vereadores socialistas) decidiu, segundo um critério obscuro, adjudicar esta obra a um empreiteiro. Para quê? Com que contrapartidas?
 
 
Também no Largo Dr. Lima Faleiro e na Rua D. Diniz, adjacentes ao castelo de Beja, há obras de substituição do empedrado da rua por grandes blocos de granito velho e mudanças (para maior fealdade) do pavimento dos passeios. O custo total elegível desta obra é 634.117, 65 euros sendo o apoio financeiro da UE é de 539.000 euros. Para quê isto tudo? Porque não investir em centros de investigação e novas tecnologias?
 
 
Haverá aqui um mecanismo de corrupção? A regra geral de corrupção em muitas autarquias locais é esta: o presidente da câmara adjudica, por exemplo, por 300 000 euros uma obra a uma empresa e esta devolve à sucapa, em envelopes, 10% para o presidente da câmara (neste caso 30 000 euros) e 5% para o partido do presidente (neste caso 15 000 euros).

 

2- AS PESSOAS QUE FAZEM SEXO FÍSICO NÃO SÃO FELIZES PORQUE SE PREOCUPAM EM REPETIR OS ORGASMOS, INCORREM EM CIÚMES, MEDO DE PERDER O SER "AMADO"/DESEJADO, ETC. Só estando em Deus, sem pedir nenhum consolo sexual - pois o desejo sexual foi despertado por Satã, a Serpente do Paraíso Terrestre- só orando tranquila e constantemente pela salvação das almas dos familiares, amigos, inimigos e desconhecidos se encontra a felicidade. Peçamos a Jesus o Amor sem desejos sexuais, o Amor verdadeiro a todos, sem falar mal de ninguém (excepto dos políticos corruptos, dos ladrões e dos pedófilos, dos maridos violentos, dos satanistas, dos capitalistas sem piedade dos desfavorecidos).

 

3- O MAIOR DOS ERROS NÃO É USAR MÁSCARA: É VACINAR-SE PORQUE ISSO INTRODUZ PARA SEMPRE O VÍRUS DO COVID, MERCÚRIO E ALUMÍNIO NO ORGANISMO. Não te infectes com a vacinação! Esta visa controlar a tua mente e alterar o código genético! O corpo é teu e é sagrado! Vacinar é violar a integridade física! As vacinas nunca reduziram as doenças, as estatísticas não levam em conta os factores decisivos: a alimentação saudável (frutos, legumes frescos, peixe, levedura de cerveja, etc.) a higiene corporal, o vestuário adequado, o sono nocturno, a prática do desporto, as longas caminhadas ao ar puro, a oração a Deus, são o que elimina as doenças «infeciosas» e outras. A OMS é a maldade «científica».

 

4- DESDE ANDRÉ VENTURA (CHEGA) ATÉ CATARINA MARTINS (BE) e JERÒNIMO DE SOUSA (PCP) PASSANDO POR RUI RIO (PSD), ANTÓNIO COSTA (PS), FDORANCISCO GEORGE (CRUZ VERNELHA) E GRAÇA FREITAS (DGS) TODOS SÃO AGENTES DE BILL GATES NA SUA CRIMINOSA CAMPANHA DE VACINAÇÃO MUNDIAL, OU SEJA, DE INFEÇÃO DO SANGUE DOS SERES HUMANOS COM VÍRUS E PUS DE ANIMAIS DOENTES, ALÉM DE ALUMÍNIO E MERCÚRIO. Revolta-te! Não deixes que te vacinem nem aos teus filhos e pais! A vacina faz adoecer! Não foi ela mas a água canalizada, o sistema de esgotos na grande cidade, a venda massiva de cebolas, alhos, frutos frescos e secos às classes trabalhadoras a causa do desaparecimento da varíola, do sarampo e outras «doenças de superfície». Os banhos de sol sem cremes protectores e o consumo de frutas, legumes frescos e ovos não de aviário, além do desporto moderado e da higiene corporal, conferem a imunidade transitória de cada dia. Imunidade a médio e longo prazo não existe, é um erro de raciocínio.

 

5-SINCRONISMO ONTOFONÉTICO. Em 6 de Setembro de 2020, as ideias de VIOLINO e de LÍNGUA emergem: a RTP emite, a partir de Carrazeda de Ansiães, o programa «Aqui Portugal» no qual uma jovem aparece a tocar VIOLINO, em «A Pracinha», cafetaria-livraria no centro de Beja, Ana Santos toca VIOLINO em um espectáculo musical ao ar livre muito concorrido, um acidente, ao início da tarde entre um carro e uma ambulância dos Bombeiros de Vila Praia de Âncora provoca oito feridos, um deles, uma mulher, vítima grave, que partiu o braço e ficou hematomas na cabeça, e outro um menino de 9 anos que é ferido na LÍNGUA, na EN13, em Carreço, Viana do Castelo, leio um documento da igreja de Palmar de Troya que refere que, em 21 de Julho de 1980, Clemente, o papa cego andaluz, rezou ante a LÍNGUA incorrupta de Santo António no santuário de este, em Pádua..

 

6- CUIDA DE REZAR O ROSÁRIO VÁRIAS VEZES AO DIA. ESTÁS MAIS PERTO DA MORTE DO QUE PENSAS. O tempo voa. A Virgem Santa Maria socorrer-te-á no momento da morte se desde já a invocares e louvares com 50 Avé Marias, 5 Pai Nossos e 5 Glórias em cada 20 minutos. Não sigas o ateísmo e o agnosticismo reinantes. Não tenhas medo de ficar isolada/o diante de as tuas amigas e amigos, ante os conhecidos e desconhecidos. Se os ateus crêem no átomo que não vêem porque não poderemos nós acreditar em Deus que não vemos mas inteligimos? Fala com a Virgem: «Santa Mãe do Céu, santifica-me. Dá-me saúde, Amor divino e castidade! A mim e aos meus familiares, colegas e vizinhos. A impureza da sexualidade livre leva muitas almas ao inferno disse a Virgem em Fátima em 13 de Julho de 1917».

 

7- SINCRONISMO ONTOFONÉTICO - De 2 a 4 de Setembro de 2020, as ideias de CASTELO, ALEXANDRA, FLOR, CRUZ e ANJO emergem: no dia 2, o presidente de CASTILLA (evoca: CASTELO) La Mancha pede o confinamento da «bomba pírica» que é a região de Madrid onde a pandemia aumenta, noticia-se que no Brasil a deputada FLORdelis e o seu marido, o pastor evangélico Anderson do Carmo Souza, entretanto assassinado, tinham relações sexuais com alguns dos seus 55 filhos adoptivos; no dia 3, noticia-se que o enfermeiro do Hospital de Beja José António da CRUZ , de 65 anos, está desaparecido desde o dia 31, empresto a um amigo o livro «Padre Pio e os ANJOS», defendo no FB a CASTIDADE (evoca: CASTELO) como virtude esquecida na actual sociedade hedonista, apresentam-me provas de que Francisco Marques venceu o concurso para Director de Cultura da Câmara Municipal de Beja mas foi ilegalmente preterido a favor da militante socialista FLORBELA Fernandes, escolhida pelo júri a 5 de Dezembro de 2019 para o cargo quando ainda faltava fazer em 19 de Dezembro a entrevista à candidata Isabel ; no dia 4, Jorge SERAFIM ( SERAFIM é um ANJO com seis asas, segundo a angeologia), contador de histórias bejense, é entrevistado por Júlio Magalhães no Porto Canal. ALEXANDRA Vieira, deputada do BE, visita o Museu Regional de Beja, ALEXANDRA C. comenta uma publicação minha crítica da disciplina de Educação para a Cidadania, o programa da manhã da RTP é transmitido a partir dos jardins do paço episcopal de CASTELO Branco, encontro por "milagre" uma pagela DE ORAÇÃO do santo padre Francisco Rodrigues da CRUZ, com relíquia de pano, que perdera há anos.

 

8-TANTOS IMIGRANTES NEGROS E INDIANOS EM BEJA! A cidade mudará no prazo de 10 ou 20 anos, islamizar-se-á. Ora o islamismo é um perigo para a Europa no plano político-religioso tal como o chinesismo, a expansão económica da China, é um perigo para a Europa . Os anti racistas são muitas vezes racistas ao contrário. Não faças mal a nenhum indiano ou paquistanês ou a nenhum africano. Reza o rosário. Casa com uma alentejana, não uses preservativos e faz-lhe filhos. Precisamos de aumentar a nossa etnia caucasiana. Tudo o resto é utopia, ingenuidade.

 

9-DIÁLOGO SOBRE A FÉ RELIGIOSA E O SOFRIMENTO Hélder afirma: «A austeridade de outras épocas mais severas não pode servir de veículo a qualquer fé, especialmente se for inculcada, não dando hipótese de escolha.Percebo que a pobreza, a tristeza ou qualquer calamidade sejam instrumentos para a comiseração, mas pessoalmente, acredito que a fé em qualquer crença não deve ser um escape para o sofrimento, mas o resultado de uma reflexão profunda, íntima e estritamente pessoal, longe de qualquer pressão do contexto. » Respondo: «Eu penso, Hélder, que a fé nasce do sofrimento ou é correlativa deste e não vejo mal nenhum nisso. A reflexão pode vir depois. Nós, afinal, viemos ao mundo para sofrer - tese comum ao padre Pio de Pietrelcina e ao filósofo ateu Schopenhauer. Aliás, Álvaro Cunhal pensava mais ou menos o mesmo: sacrificar a vida pela classe operária ( o deus dos comunistas idealistas) e pela fé na sociedade igualitária comunista como ele fez, aceitar o sacrifício pessoal ao ser torturado sem falar e preso anos a fio em celas isoladas, é ter fé num ideal terrestre. O comunismo é uma religião da imanência, dizia Fernando Pessoa.»

 

NOTA: COMPRA O NOSSO «DICIONÁRIO DE FILOSOFIA E ONTOLOGIA», inovador em relação a todos os outros dicionários, repleto de transcrições literais de textos dos filósofos. Aproveita, a edição está a esgotar-se. Contém 520 páginas, custa só 20 euros (portes de correio para Portugal incluídos), Só custa 5 euros em e-book. Basta depositares na conta PT50 abaixo indicada e informar-nos. CONTACTA-NOS.

 

This blog requires thousands of hours of research and reflection and produces knowledge that you won't find anywhere else on the internet. In order for us to continue producing it please make a donation to our bank account with the IBAN PT50 0269 0178 0020 4264 5789 0

f.limpo.queiroz@sapo.pt

© (Copyright to Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 
 
 
 


publicado por Francisco Limpo Queiroz às 13:41
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 13 de Abril de 2020
Só os ininteligentes acreditam na vacinação

 

Só as pessoas ininteligentes, que não pensam dialeticamente, que não admitem a permanente mudança das coisas, acreditam na vacinação. Essa ideia de introduzir um vírus atenuado ou uma toxina correspondentes à doença X ou Y para imunizar a pessoa é absurda: a imunidade não existe permanentemente, o vírus introduzido pode, de repente, agigantar-se e causar efeitos colaterais (arterioesclerose, cancro, nefrite, hepatite, etc.)  ou até matar com a sua própria doença. Cito o blog Oriente Mídia, de resistência aos envenenadores médico-farmacêuticos da espécie humana:

 

«Após a declaração oficial da pandemia, o próximo passo poderá ser – também por recomendação da OMS ou de países individuais, “vacinação forçada”, sob vigilância policial e/ou militar. Aqueles que recusarem podem ser penalizados (multas e/ou prisão – e vacinados à força da mesma forma)

 

«Se, de fato, ocorrerá a vacinação forçada, outro ponto alto da Big Pharma, as pessoas realmente não sabem que tipo de coquetel será colocado na vacina, talvez um assassino lento, que atue apenas em alguns anos – ou uma doença que atinge apenas a próxima geração – ou um agente debilitante do cérebro, ou um gene que torna as mulheres inférteis…. tudo é possível – sempre com o objetivo de controle total da população e redução da população. Dentro de alguns anos, não se sabe, é claro, de onde vem a doença. Esse é o nível de tecnologia que nossos laboratórios de guerra biológica alcançaram (EUA, Reino Unido, Israel, Canadá, Austrália …)» (do Blog Oriente mídia).

 

David Icke escreve:

«Eis aqui um extracto do meu livro Infinite Love is the Only Truth - Everything Else Is Ilusion:

 

«O processo de fabricação das vacinas inclui o uso de macacos, embriões de frangos e fetos humanos, além de desinfectantes e estabilizadores como a estreptomicina, o cloreto de sódio, o hidróxido de sódio, o alumínio, o clorohidrato, o sorbitol a gelatina hidrolisada, o formaldeído e um derivado do mercúrio chamado timerosal. A vacina contra a difteria, a tosse convulsa e o tétano contém os seguintes componentes:

 

Hidróxido de sódio: Entre outras coisas, pode queimar os orgãos internos, provocar cegueira e dano pulmonar e tecidular; a sua ingestão pode ser catastrófica. Encontra-se nos produtos de limpeza de fornos, casas de banho e retretes.

Formaldeído: É uma neurotoxina que pode provocar cancro. Também pode provocar insónia, tosse, cefaleia, náuseas, hemorragias nasais e erupções cutãneas. Usa-se, de forma oportuna, para embalsamar cadáveres.

Ácido clorídrico: Pode destruir tecidos por contacto directo e encontra-se nos produtos de limpeza do alumínio e dos antioxidantes.

Alumínio: Produto tóxico e cancerígeno.»

Timerosal: Um derivado do mercúrio e conservante sumamente perigoso. está composto por glicol anticoagulante e rtanol, ácido tiosalicílico, hidróxido de sódio e cloreto de etilmercúrio. Estas substâncias químicas são letais e podem provocar cancro ademais de dano cerebral e hepático.

 Fosfatos: Afogam todas as formas de vida aquática e encontram-se nos detergentes da máquina de lavar, e máquina de lavar louça e nos produtos de limpeza.

 «Este monte de lixo venenoso ataca o sistema imunológico que supostamente  deveria proteger e, mesmo assim, os pais estadunidenses estão sendo levados a julgamento por não permitirem administrar semelhantes produtos letais aos seus filhos. Advertem as pessoas dos potenciais efeitos que poderia ter o facto de que os seus filhos estarem em contacto com crianças que não se vacinaram e deste modo aterrorizam-nas com o fim de que aceitem esta tirania. Sem embargo, se se vacinaram, porque deveria ser isso um problema? Oh, sim, mas é. Simplesmente não querem que o saibamos. Para começar, o mercúrio é um dos primeiros suspeitos de provocar autismo nas crianças. Entre 1989 e finais de 1990 aumentou o número de vacinas infectadas de mercúrio e também o número de meninos com autismo.»

(David Icke, La conspiración mundial y como acabar con ella, Ediciones Obelisco, Barcelona, pp 819-820; o bold é colocado por nós).

 

Não te vacines nem deixes que vacinem (infectem) os teus filhos! A OMS está ao serviço da elite mundialista, de super milionários que provocam pela guerra biológica o sofrimento prolongado dos povos indefesos e confusos.

 

NOTA: COMPRA O NOSSO «DICIONÁRIO DE FILOSOFIA E ONTOLOGIA, DIALÉTICA E EQUÍVOCOS DOS FILÓSOFOS», inovador em relação a todos os outros dicionários, repleto de transcrições literais de textos dos filósofos. É de longe o melhor dicionário a nível mundial sobre a dialética como ciência da unidade e da luta de contrários e as suas leis. Aproveita, a edição está a esgotar-se. Contém 520 páginas, custa só 20 euros (portes de correio para Portugal incluídos), CONTACTA-NOS. 

 

http://www.orientemidia.org/coronavirus-agenda-id2020-ou-a-farsa/?fbclid=IwAR3Q9ipW62wfednUu_7QfpHLv7M87U1U8e-ljXuLOPJWVNRNa7VLbt3m7IE

 

f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 14:19
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 27 de Abril de 2017
Francisco George, ao serviço do lobby dos fabricantes de vacinas

 

Francisco George, o director-geral de Saúde em Portugal, insiste em atacar os pais, mais inteligentes que ele, que recusam vacinar, isto é, infectar o organismo dos filhos com vírus e toxinas, com pus de animais doentes.

 

Se as contas bancárias de José Sócrates, ex primeiro ministro socialista de Portugal, foram escrutimadas por suspeitas de corrupção, por que não investigar as contas bancárias particulares de Francisco George? Não poderá estar a ser financiado secretamente pelos fabricantes de vacinas que ganham milhões ao vender centenas de milhar de vacinas ao Estado? Tudo é possível.

 

 

Muito da «ciência médica» não passa de ideologia, ideias submissas a interesses de lucro. Sabemos bem que os laboratórios farmacêuticos compram grande parte da classe médica oferecendo-lhes viagens e estadias em Atenas, Roma, Londres, Brasília, Buenos Aires, etc, em congressos «médico-farmacêuticos» para que os médicos receitem o que os laboratórios querem. E assim é com as vacinas, esse fetiche irracional dos que não pensam a fundo: é como a «poção mágica» dos bruxos feita de venenos de cobra, etc. Com uma compreensão errónea do fenómeno doença, não entendendo sequer que «o terreno é tudo, o micróbio é nada» (Claude Bernard) e de que se o sangue e a linfa estiverem puros (causas internas) os micróbios (causas externas) não conseguem danificar o corpo, entram e saem, Francisco George não faz qualquer alusão às vitaminas e sais minerais dos frutos e saladas como defensores da saúde sem vacinas. E na sua miopia teórica, quer infectar, violar a integridade física de milhões de pessoas com o BCG (bacilos de boi tuberculoso) e outras vacinas como se um vírus ou toxina protegesse o corpo contra algum outro vírus ou toxina. A estupidez é descomunal entre a classe médica alopática...um veneno a «combater» um veneno!

 

Exijamos a demissão de Francisco George, o obscurantista defensor do fascismo médico, que serve tanto os governos de direita como o de centro-esquerda! Alerta! Nem a Inquisição impôs a vacinação obrigatória mas Francisco George e os fascistas pseudo científicos pasteurianos querem impor essa arbitrariedade! Instalam o medo para levar água ao seu moinho. Os vírus não são a causa das doenças do mesmo modo que os mosquitos não são a causa dos pântanos. Pasteur estava errado e reconheceu-o na hora da morte.

 

 

A vacinação é uma máscara inútil e falseadora de uma medicina que recusa a dietética como grande método de cura: limões e argila substituem vantajosamente as vacinas; a dieta de frutos e vegetais complementada com ovos biológicos e queijos de cabra nutre bem o organismo e suprime doenças como o reumatismo, a bronquite, o sarampo, provocadas não por vírus mas pelo consumo de carne, açúcar, alcool, cereais refinados, medicamentos.

 

www.filosofar.blogs.sapo.pt

f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 00:01
link do post | comentar | favorito

Domingo, 7 de Julho de 2013
Boletim de vacinas nas escolas: a ditadura de uma medicina totalitária e da burocracia

 

Por que razão no acto de matrícula ou renovação de matrícula dos alunos nos estabelecimentos de ensino público pré-universitário se exige mostrar o boletim de vacinas devidamente actualizado?  Se ninguém é obrigado a declarar se tem fé religiosa ou não, por que razão é obrigado a mostrar fé na vacinação ,um desacreditado método de «prevenção» das doenças da medicina alopática que várias outras escolas médicas (naturopatia, acupunctura, medicinas tradicionais sagradas, etc) rejeitam?

 

As vacinas são venenos «em pequena» dose. São objecto de fé, não de ciência racional. Infectam o organismo com doenças crónicas, rastejantes, alterando o código genético. Não conferem imunidade nenhuma porque esta não se adquire com injecções. A imunidade não existe, é uma ideia fantasiosa como «o elixir da longa vida» ou «o corpo do super-homem que atravessa o fogo incólume ou devolve as balas que nele embatem»: o corpo é um sistema aberto e, em cada hora, se pode adoecer ou aumentar a vitalidade. Comer frutos, em especial maçã, laranja e limão que são microbicidas e matam os vírus substituindo bem as vacinas, respirar ar puro, caminhar muito diariamente, praticar desporto, alimentar-se biologicamente, evitar o stress, são métodos de uma vida sã, sem vacinas.Como é que a humanidade se desenvolveu até ao século XIX sem vacinas? A vacinação é uma intrujice científica, uma superstição herdeira da ingestão de venenos de cobra, sapo, etc, da farmacopeia antiga. As multinacionais exigem a vacinação para obterem lucros. E a burocracia aplica a lei que ofende os direitos dos estudantes a não sofrer vacinas, sem pensar.

 

.                               DECLARAÇÃO PARA OS PAIS ENTREGAREM NAS ESCOLAS SEM TER DE EXIBIR BOLETIM DE VACINAS

Fulano (.....) encarregado de educação do aluno X....., declara assumir toda a responsabilidade pelos cuidados preventivos de saúde de X prescindindo este da vacinação uma vez que adoptamos os métodos da Medicina Naturopática. O signatário perfilha a teoria de notáveis médicos naturopatas de renome mundial como Paul Cartoon, Pierre Marchesseau e Herbert Shelton segundo a qual «a vacinação constitui um envenenamento subliminar do sangue com vírus e toxinas, vivos ou não, gerador de enfraquecimento das defesas orgânicas e de doenças degenerativas a longo prazo».Esperamos que respeitem e compreendam a nossa posição aliás estribada em direitos individuais consagrados na Constituição da República Portuguesa, em particular nos seguintes artigos:

ARTIGO 25º

(Direito à integridade pessoal)

3. A integridade moral e física das pessoas é inviolável.
4. Ninguém pode ser submetido a tortura nem a tratos ou penas cruéis , degradantes ou desumanos.

ARTIGO 41º

(Liberdade de consciência, de religião e de culto)

6. É garantido o direito à objecção de consciência nos termos da lei.

Data e Assinatura.......»

 

É isto que todos os estudantes e seus pais conscientes dos perigos da vacinação obrigatória (SIDA, hepatite C podem ser causadas por vacinas) devem fazer, obrigando a recuar as multinacionais das vacinas que instrumentalizam o aparelho de estado supostamente neutro.

 

www.filosofar.blogs.sapo.pt
f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 13:09
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
15
16
17

19
21
23
24

25
26
28
29
31


posts recentes

Reflexões breves de Setem...

Só os ininteligentes acre...

Francisco George, ao serv...

Boletim de vacinas nas es...

arquivos

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Teste de filosofia do 11º...

Pequenas reflexões de Ab...

Suicídios de pilotos de a...

David Icke: a sexualidade...

links
blogs SAPO
subscrever feeds