Quarta-feira, 8 de Abril de 2020
Breves reflexões de Abril de 2020

 

O AMOR É UM FENÓMENO PURAMENTE ESTÉTICO COM UNS RESTOS DE ÉTICA (MEMÓRIA). Os velhos não são amados porque são inestéticos. A biologia prevalece sobre o espírito. O amor só existe enquanto a estética existir. As mulheres maquilham-se para serem desejadas, amadas.

 

O NOSSO MARAVILHOSO AMOR EXISTE E SUBSISTE NOS PÍNCAROS DA PAIXÃO PORQUE NUNCA NOS BEIJAMOS. É a idealização do trovador cátaro relativamente à sua dama que só vê de longe na janela do castelo. Se nos beijássemos e abrisses a tua blusa aos meus beijos o amor desceria ao lodo do sexo físico e perderia a sua espiritualidade luminosa.

 

O AMOR NÃO EXISTE, É APENAS UM TRAVESTI DO AMOR PRÓPRIO, DO EGOÍSMO DE CADA UM. E se não existe podes tu criá-lo a partir do nada? Alguns dizem «Mas o amor da mãe pelo filho existe e subsiste». E deixa de ser amor próprio?

 

PODES OFERECER A DEUS UMA SEMANA DE REFEIÇÕES SEM CARNE, NEM PEIXE NEM OVOS, EM HONRA DA PAIXÃO E MORTE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO. Assim faz a igreja católica ortodoxa. O jejum e a abstinência de carne e peixe (regime vegetariano) agradam a Deus e podem vencer o Covid 19. Realidade mística: tu, eu e todos nós flagelamos Jesus e coroamo-Lo de espinhos e crucificamo-Lo no mundo arquetípico sempre que falamos mal dos outros sem motivo nobre, sempre que não ajudamos quem precisa da nossa ajuda, sempre que vemos telenovelas e filmes diversos em vez de rezarmos a favor das almas do Purgatório, sempre que humilhamos alguém, vociferamos, mentimos. Dentro de breves anos terás morrido e a tua alma comparecerá ante o Altíssimo.

Os filósofos vulgares, agnósticos ou ateus, não sabiam ou não sabem nada. Heidegger, Russel, Frege, Wittgenstein, Peter Singer eram tão carecidos de inteligência que nem sequer conceberam o determinismo planetário como a causa de todas as nossas ações. Porque eram orgulhosos e não rezavam a Deus não obtiveram essa iluminação racional. Cultiva o teu lado místico e a tua racionalidade aumentará.

 

PORTUGAL É PROTEGIDO POR NOSSA SENHORA DE FÁTIMA. 10 de Abril de 2020. Portugal registou às 24 horas de 9 de Abril 435 mortos por Covid-19, mais 29 que no dia anterior. Mas a vizinha Espanha regista 15 843 mortos por Covid 19, ou seja, 37 vezes mais mortos que Portugal. E a Itália, país católico corrompido pela «dolce vita» ou seja os pecados generalizados do adultério, da corrupção político-económica, da fornicação hetero e homossexual regista 18 279 mortes por covid 19. A Suécia, quase sem confinamento, descolou de Portugal e já conta com o dobro de mortes da pátria lusa, 870.

Como explicar o sucesso relativo de Portugal? O mérito não cabe apenas ao governo maçónico do Partido Socialista e à visão de estadista de António Costa: o mérito essencial cabe à devoção dos portugueses a Nossa Senhora de Fátima e à proteção que a Mãe de Deus, simbolizada no mar português (Maria é MAR, águas primordiais, amor a toda a humanidade) confere aos portugueses, inculcando nestes a disciplina do confinamento e a fé em Deus.

Estudei astrologicamente a data do milagre do Sol em 13 de Outubro de 1917 na aparição da Virgem e estou certo de que existiu porque tem pontos astronómicos em comum com outros milagres do Sol associados à Virgem como o de 15 de Maio de 1970 em Palmar de Troya, Espanha, e o de 14 de Agosto de 1974, em Montichiari, norte de Itália, fenómenos presenciados por milhares de pessoas.

 

A ESCOLA DEFENSORA DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES CONTRA PREPOTÊNCIAS NAS FAMÍLIAS. Salazar proclamou o lema «Deus, Pátria, Família», um lema insuficiente que pode ser adoptado pelo fascismo e o imperialismo. O lema correcto para hoje é: «Deus, Pátria, Democracia Parlamentar, Liberdade Individual, Escola, Família». A escola defende as crianças! A menina de 7 ou 8 anos que passa a ter um comportamento esquisito, demasiado triste, leva a professora a sondá-la e a descobrir que a menina é abusada pelo padrasto ou pelo avô pedófilo. O adolescente de 14 ou 16 anos confessa ao professor director de turma que «as coisas lá em casa andam mal, o pai bate na mãe e insulta-a» e a escola alerta a comissão de proteção de menores que convoca os pais. A escola é uma grande família, pluralista, onde a justiça e o conhecimento imperam, apesar de causar stress nos alunos com os trabalhos de casa.

Na escola, desenvolvem-se o companheirismo e os amores entre rapazes e raparigas, apesar da concorrência às melhores notas - sob a ditadura de Salazar eu andei a estudar num liceu (Rodrigues de Freitas) só de rapazes, o que é psicologicamente doentio, e a ser corrido pela PSP quando nos aproximávamos do liceu das meninas (Carolina Michaélis).

 
 

SINCRONISMO ONTOFONÉTICO-1. Em 6 e 7 de Abril de 2020, as ideias de MOREIRA e XAVIER destacam-se: no dia 6, um telejornal exibe XAVIER MOREIRA, presidente do Centro Paroquial de Darque, a falar do Covid 19 e exibe Pedro MOREIRA, técnico de emergência hospitalar, a alertar para a falta de óculos descartáveis na sua especialidade na crise actual; no dia 7, passam 514 anos sobre o nascimento no castelo de XAVIER, em Navarra, de Francisco Atondo y Aznáres, missionário da Companhia de Jesus na Índia e no Japão, elevado aos altares.

 

O COVID 19 E O CONFINAMENTO FIZERAM PORTUGAL REGRESSAR A UM CLIMA SALAZARISTA DE SILÊNCIO E MEDO DE ANDAR NAS RUAS. A democracia é ruidosa, cheia de gente nas ruas, a ditadura é mais silenciosa como um tigre pronto a saltar sobre o povo. Parece que estamos nos anos 50 do século XX em que a greve era proibida em Portugal e Catarina Eufémia foi morta a tiro em 19 de Maio de 1954 em Baleizão por um tenente da GNR. A luta de classes foi desviada para a «frente única de combate ao inimigo invisivel» e anuncia-se a proletarização de sectores vastos da classe média...

 

SINCRONISMO ONTOFONÉTICO-2. Em 9 de Abril de 2020, a ideia de SOL destaca-se: perco uns óculos de SOL que deixei não sei onde, sobre um sofá encontro isolada uma carta do Tarô, o arcano 19, que representa o deus do SOL, ao ler o livro «Maria, Rosa Mystica» retiro a seguinte efeméride «em 14 de Agosto de 1974, chega a Montichiari, Itália, lugar de aparições da Virgem Maria sob a avocação de  Rosa Mística, um autocarro jugoslavo cheio de peregrinos croatas que rezam largo tempo junto da  capela da enfermeira Pierina Gilli se despedem dela e, de repente, ajoelham com gritos de angústia ao verem o SOL girar loucamente, como um disco de prata refulgente que se pode olhar sem ferir a vista, e perto do Sol está uma nuvenzinha branca com a forma de uma senhora, a Virgem Maria, que sobe através do SOL e depois se desfaz lenta e majestosamente e o SOL, revestindo as cores do arco-íris, ilumina ricamente a natureza como em Outubro de 1917 em Fátima.

 

O TELE-AMOR. Não se trata de amor por telefone ou por internet. É o amor telepático: pensamos numa pessoa que nos atrai ou que amamos e imaginamos abraçá-la, beijá-la. É, frequentemente, a infidelidade mental. Há mulheres casadas que cobiçam outros homens, homens casados que almejam ter amantes..Enfim, a nossa predisposição é para o pecado.

No Evangelho de São Mateus (5- 28) atribui-se a Jesus a seguinte advertência: «Eu, porém, vos digo, que qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, em seu coração, já cometeu adultério com ela. 29. Se o teu olho direito te leva a pecar, arranca-o e lança-o fora de ti; pois te é mais proveitoso perder um dos teus membros do que todo o teu corpo ser lançado no inferno. 30. E, se tua mão direita te fizer pecar, corta-a e atira-a para longe de ti; pois te é melhor que um dos teus membros se perca do que todo o teu corpo seja lançado no inferno.»

 

NOTA: COMPRA O NOSSO «DICIONÁRIO DE FILOSOFIA E ONTOLOGIA», 520 páginas, 20 euros (portes de correio para Portugal incluídos), CONTACTA-NOS. Apoia a produção filosófica independente. Se neste blog absorves ideias novas e raciocínios luminosos podes retribuir comprando o dicionário.

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

         © (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 15:02
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020
Pai Eterno, Virgem Maria e outros seres místicos no Zodíaco

Com base, sobretudo, no livro «El Palmar de Troya, mensages sobrenaturales» da difusora Mariana Argentina, que relata visões místicas e factos reais da vida de Clemente Domínguez e Gómez e do grupo de católicos ligados às aparições marianas e crísticas de El Palmar de Troya, aldeia do município de Utrera, situada a uns 43 quilómetros a sudeste da cidade de Sevilha, identificamos áreas do Zodíaco que correspondem a certas entidades e fenómenos místicos.

18º-20º DE CARNEIRO:

ORAÇÃO EM VOZ ALTA

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 18º-20º do signo de Carneiro é condição necessária mas não suficiente para destacar a importância da oração em voz alta a Deus no contexto de uma revelação a videntes místicos.

 

Em 26 de Janeiro de 1972, com Marte em 19º 43´/ 20º 23´ de Carneiro, Sol em 5º 7´/ 6º 8´ de Aquário, Jesus aparece em Palmar de Troya a Clemente Domínguez e diz a este: «Hoje, a norma é: acção, acção, mas não se recorre à oração. Acção sem oração, trabalho perdido. Oração, meus filhos, oração não só mental mas vocal. Há muitos inimigos da oração vocal, protestando que é uma rotina de orações atrás de orações, sem valor. Mas não se dão conta que Eu mesmo ensinei o Pai Nosso e disse: «Quando orardes, orai assim»; em 25 de Março de 1985, com Mercúrio em 18º 39´/18º 34´ de Carneiro, Vénus em 19º 44´/ 19º 16´de Carneiro, Júpiter em 9º 43´/ 9º 54´ de Aquário, a Virgem diz a Jelena em Medjugorge: «Muitas vezes as orações em voz alta afastam Jesus porque, quando os homens querem vencer com as suas próprias forças, não há lugar para Deus. As orações em voz alta são boas quando vêm do coração».

 

ÁREA 20º-22º DE TOURO:

ANJOS

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 20º-22º  do signo de Touro é condição necessária mas não suficiente para suscitar a visão ou aparição de anjos.

 

Em 9 de Agosto de 1970, com Saturno em 22º 0´/ 22º 3´ de Touro, Nodo Norte da Lua em 2º 54´de Peixes, em Palmar de Troya, o vidente Clemente Domínguez vê o Pai Eterno descer numa imensa nuvem, rodeado de anjos, e beija-Lhe os pés e após receber uma mensagem celestial Clemente vê o céu abrir-se e contempla várias moradas da Glória que não consegue explicar, de tão belas que são; em 22 de Março de 1987, com Marte em 20º 6´/ 20º 46´ de Touro, Mercúrio em 3º 37´/ 4º 24´ de Peixes, a Virgem aparece cercada de 5 pequenos anjos a Mirjana em Medjugorge e confia-lhe uma mensagem.

 

 

ÁREA 11º-13º DO SIGNO DE GÉMEOS:

OS «MILAGRES DO SOL» EM FÁTIMA EM 1917 E EM ALFÂNDEGA DA FÉ EM 1946

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 11º-13º do signo de Gémeos é condição necessária mas não suficiente para suscitar um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica.

 

Em 13 de Outubro de 1917, com Júpiter em 11º 16´/ 11º 3´ de Gémeos,  dezenas de milhar de pessoas concentradas na Cova da Iria, Fátima, Portugal, vêem o sol rodopiar, mudar de côr e acercar-se «perigosamente» da Terra durante uma das aparições da Virgem Maria a três pastorinhos; em 11 de Outubro de 1946, com Nodo Norte da Lua em 13º 12´/ 13º 5´ de Gémeos, milhares de pessoas, convocadas pela jovem vidente Amélia da Natividade Rodrigues, vêem em Vilar Chão, Alfândega da Fé, Portugal, o Sol, tendo no centro um disco azulado, esverdeado ou prateado, rodar para a direita e para a esquerda e irradiar distintas colorações sem ferir a vista.

 

ÁREA 21º-25º DE CARANGUEJO:

INFERNO, DEMÓNIO

 

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em  21º-25º do signo de Caranguejo é condição necessária mas insuficiente para provocar visão, aparição ou descrição do Inferno e do Demónio.

 

Em 13 de Julho de 1917, com Mercúrio em 20º 22´/ 22º 31´ de Caranguejo, a Virgem mostra aos pastorinhos a visão do Inferno com corpos humanos a arder e demónios de aspecto horrível; em 16 de Setembro de 1954, com Júpiter em 24º 19´/ 24º 29´ de Caranguejo,  a suposta Virgem, em aparição, declara ao vidente Carlos Alberto, em Asseiceira, que o inferno não existe e não são precisos os sacramentos da confissão e da comunhão e que «as almas vão para o planeta»; em 18 de Junho de 1972, com Marte em 23º 14´/ 23º 52´ de Caranguejo, os três videntes da Virgem na herdade de Mimbral, a 12 quilómetros de Sevilha, são atacados pelo Diabo e contorcem-se e gritam e os outros católicos presentes rezam, invocam São Miguel Arcanjo e atiram-lhes água benta; em 6 de Novembro de 1981, com Nodo Norte da Lua em 25º 25´/ 25º 23´  de Caranguejo, durante a aparição Marija e outros videntes de Medugorje têm uma visão terrível do inferno e a Virgem diz-lhes «Não tenhais medo. Eu mostrei-vos o inferno para verdes o estado dos que lá estão»; em 14 e 16 de Fevereiro de 1982, com Nodo Norte da Lua em 21º 56´/ 21º 53´ de Caranguejo, a Virgem Maria assegura, em aparições aos jovens videntes de Bósnia-Herzegovina, a existência de Satanás e do inferno.

 

14º-16º DO SIGNO DE LEÃO:

CÉU ABERTO

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em  14º-16º  do signo de Leão é condição necessária mas insuficiente para provocar visão, do Paraíso aberto em místicos.

 

Em 9 de Agosto de 1970, com Marte em 13º 56´/ 14º 34´ de Leão, Júpiter em 29º 7´/ 29º 14´ de Balança, em Palmar de Troya, o vidente Clemente Domínguez vê o Pai Eterno descer numa imensa nuvem, rodeado de anjos, e beija-Lhe os pés e após receber uma mensagem celestial Clemente vê o céu abrir-se e contempla várias moradas da Glória que não consegue explicar, de tão belas que são; em 31 de Outubro de 1976, com Saturno em 16º 10´/ 16º 13´ de Leão, o padre Clemente Domínguez celebra missa tridentina num hotel em Barcelona e vê o Céu aberto e formando uma só coisa vê o Altar e o Calvário e dialoga com Jesus Cristo estando presente o Pai Celestial, a Santíssima Virgem e uma multidão de anjos e santos, Jesus põe a Santa Cruz sobre o ombro direito do padre Clemente e com um dardo de fogo trespassa o coração do vidente;

 

 

ÁREA 27º-28º DO SIGNO DE LEÃO:

OBJECTO REDONDO MÍSTICO, MATERIALIZAÇÃO DE HÓSTIA, CÍRCULOS EM TORNO DO SOL

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 27º-28º do signo de Leão é condição necessária mas não suficiente para suscitar um objecto redondo envolto em misticismo, seja um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica, ou a materialização de uma hóstia.

 

Em  18 de Julho de 1962, com Úrano em 28º 39´/ 28º 43´ de Leão, uma hóstia branca, presumivelmente dada por um anjo invisível, materializa-se na língua de Conchita, uma das seis meninas videntes católicas da localidade de San Sebastián de Garabandal, na Cantábria, Espanha, ante numerosas pessoas; em 7 de Novembro de 1998, com Nodo Norte da Lua em 28º 2´ / 27º 55´ de Leão, centenas de portugueses e espanhóis, entre eles o autor deste blog, observam, cerca das 16 horas e 30 minutos, o sol a aumentar e encolher de tamanho emitindo círculos concêntricos sobre o campo na finca «El Higuerón», da vidente Carmen López, perto de Matarredonda (Marinaleda), província de Sevilha, lugar onde ocorrem fenómenos místicos.

 

ÁREA 9º-11º DE VIRGEM:

SÃO JOSÉ

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 9º-11º do signo de Virgem é condição necessária mas insuficiente para provocar visão, aparição ou locução de São José.

 

Em 19 de Março de 1970, com Nodo Sul da Lua em 11º 50´/ 11º 51´  de Virgem, São José, com o Menino Jesus ao colo, manifesta-se, supostamente, ao vidente Clemente Domínguez em Palmar de Troya; em 1 de Agosto de 1973, com Vénus em 8º 20´ /9º 33´ de Virgem, Clemente Domínguez, recebe, no santuário de São José da Montanha, Barcelona, uma mensagem de São José.

 

 

ÁREA 4º-5º DO SIGNO DE BALANÇA:

SÃO PIO DE PIETRELCINA

 

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 4º-5º do signo de Balança  é condição necessária mas insuficiente para provocar visão, aparição ou locução de São Pio de Pietrelcina, o frade italiano estigmatizado.

 

Em 30 de Setembro de 1969, com Mercúrio em 5º 23´/ 4º 18´ de Balança, Clemente Domínguez e Rosário Arenillas vêem, ao escurecer, as figuras de Jesus e do padre Pio de Pietrelcina a caminhar perto do lentisco em El Palmar de Troya; em 11 de Junho de 1970, com Úrano em 4º 39´de Balança, o padre Pio de Pietrelcina aparece a Clemente Domínguez em Sevilha e repreende-o com um «não deis o triunfo a Satanás, não percais a vida eterna»;

 

ÁREA 27º-29º DO SIGNO DE BALANÇA:

DEUS PAI

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 27º-29º  do signo de Balança  é condição necessária mas insuficiente para provocar visão, aparição ou locução do Pai Eterno.

 

 

Em 9 de Agosto de 1970, com Júpiter em 29º 7´/ 29º 14´ de Balança, o sevilhano Clemente Domínguez vê o Pai Eterno descer numa imensa nuvem, rodeado de anjos, e abraça os fiéis presentes, em El Palmar de Troya; em 11 de Março de 1974, com Úrano em 27º 9´/ 27º 7´ de Balança, aparece a Santíssima Trindade em El Palmar de Troya e o Pai Eterno dá mensagem a Clemente.

 

ÁREA 0º-2º DO SIGNO DE SAGITÁRIO:

SANTO ROSÁRIO PENITENCIAL

 

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 0º-2º do signo de Sagitário   é condição necessária mas insuficiente para provocar visão, aparição ou locução de entidade celeste recomendando rezar o santo rosário de 50 pai nossos, 50 avé marias e 50 glórias.

 

Em 1 de Março de 1969, com Marte em 1º 40´/ 2º 6´ de Sagitário,  o espírito do padre Pio aparece à vidente María Marin e ensina o seu grupo de oração a rezar o Rosário de 50 Pai-Nossos, 50 Avé-Marías, 50 Glórias, 50 Avé-Maria Puríssima, sem pecado concebida; em 3 de Fevereiro de 1970, com Neptuno em 0º 20´/0º 19´ de Sagitário, Jesús diz, em visão, a Clemente Domínguez que é necessário rezar o Rosário de 50 Pai-Nossos; em 19 de Abril de 1970, com Neptuno em 0º 20´/0º 19´ de Sagitário,  a Virgem Maria aparece a Clemente Dominguez e Gómez e pede que rezem o Rosário do padre Pio de 50 Pai-Nossos, 50 Avé-Marías, 50 Glórias, 50 Avé-Maria Puríssima, sem pecado concebida, prometendo que «os que rezarem este Rosário diariamente terão, além do mais, uma boa morte, serão salvos da condenação, passando à Vida Celestial ao deixar este mundo», e dizendo «concederei paz nos lares, nas nações, onde se reze diariamente este rosário dirigido à Trindade Augusta e a Mim, vossa querida Mãe».

 

 

ÁREA 3º-4º DE AQUÁRIO:

ESTIGMATIZAÇÃO MÍSTICA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 3º-4º do signo de Aquário é condição necessária mas não suficiente para causar  estigmatização de um vidente de Palmar de Troya.

 

Em 3 de Março de 1972, com  Nodo Norte da Lua em 4º 38´/ 4º 31´ de Aquário, rodeado de 20 pessoas em El Palmar de Troya, o vidente Clemente Domínguez y Gómez vê uma hóstia consagrada no ar, dela sai um ponto luminoso que atinge o seu corpo e abre no peito deste uma chaga de cinco centímetros de largura, da qual jorra abundante sangue; em 14 de Março de 1973, com Júpiter em 3º 46´/ 3º 57´ de Aquário, às 20.45 horas, na presença de dezenas de pessoas que rezam a céu aberto, em Palmar de Troya, o vidente Clemente Dominguez cai para trás, retorcendo-se de dor, ao ser fulminado, no lado direito do peito por raios emitidos por uma entidade que parece ser Jesus Cristo, ficando com um estigma sangrento de nove centímetros de comprimento e dois centímetros de largura.

ÁREA 15º-17º DE AQUÁRIO:

ROSÁRIO DE 50 PAI-NOSSOS

 

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 15º-17º de Aquário  é condição necessária mas insuficiente para destacar o Santo Rosário Penitencial.

 

Em 1 de Março de 1969, com Mercúrio em 14º 7´/ 15º 21´ de Aquário, o padre Pio aparece à vidente María Marin e ensina o seu grupo de oração a rezar o Rosário de 50 Pai-Nossos, 50 Avé-Marías, 50 Glórias, 50 Avé-Maria Puríssima, sem pecado concebida; em 3 de Fevereiro de 1970, com Vénus em 15º 56´/ 17º 20´ de Aquário, Jesús diz, em visão, a Clemente Domínguez que é necessário rezar o Rosário de 50 Pai-Nossos.

 

ÁREA 2º-4º DO SIGNO DE PEIXES:

ANJOS

 

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 2º-4º  do signo de Peixes  é condição necessária mas insuficiente para suscitar a visão ou  aparição de anjos.

 

Em 9 de Agosto de 1970, com Nodo Norte da Lua em 2º 54´de Peixes, Saturno em 22º 0´/ 22º 3´ de Touro,  em Palmar de Troya, o vidente Clemente Domínguez vê o Pai Eterno descer numa imensa nuvem, rodeado de anjos, e beija-Lhe os pés e após receber uma mensagem celestial Clemente vê o céu abrir-se e contempla várias moradas da Glória que não consegue explicar, de tão belas que são; em 22 de Março de 1987, Mercúrio em 3º 37´/ 4º 24´ de Peixes,  Marte em 20º 6´/ 20º 46´ de Touro,  a Virgem aparece cercada de 5 pequenos anjos a Mirjana em Medjugorge e confia-lhe uma mensagem.

 

ÁREA 28º-29º DO SIGNO DE PEIXES:

APARIÇÃO DA VIRGEM A PASTORINHOS

 

A passagem de um planeta, do planetóide Quiron, do Sol ou de um Nodo da Lua em 28º-29º  do signo de Peixes  é condição necessária mas insuficiente para provocar aparição da Virgem Maria a pastorinhos.

 

Em 13 de Maio de 1917, com Quiron em 28º 51´/ 28º 53´ de Peixes, Lúcia, de 10 anos, e os seus dois primos, Jacinta e Francisco Marto, de 7 e 8 anos  tocam as ovelhas, em direcção à estrada na Cova da Iria, Fátima, eclode um segundo relâmpago, e, dois passos adiante, vêem em cima duma carrasqueira, que teria um metro de altura, aproximadamente, uma Senhora vestida de branco, nos pés meias brancas, saia branca dourada, casaco branco, manto branco, que trazia pela cabeça, não dourado e a saia  toda dourada, a atravessar, um cordão de ouro e umas arrecadas muito pequeninas com as mãos erguidas e, quando falava, alargava os braços e mãos abertas, dizendo  "Não tenhais medo...O meu lugar é o céu.. Venho cá para te dizer que venhas cá, todos os meses, até fazer seis meses, e, no fim de seis meses, te direi o que quero...Quereis oferecer-vos a Deus para suportar todos os sofrimentos que Ele quiser enviar-vos, em acto de reparação pelos pecados com que Ele é ofendido e de súplica pela conversão dos pecadores?» e após os pastorinhos, a quem garante que irão para o céu, dizerem sim a Virgem diz:« Ides, pois, ter muito que sofrer, mas a graça de Deus será o vosso conforto» e desaparece.

 

Em 30 de Março de 1968, com Quirón em 29º 52´/ 29º 56´ de Peixes,  a Virgem Maria aparece sobre um lentisco a quatro meninas, Rafaela, Ana, Josefa e Ana, na herdade de la Alcaparrosa, a um quilómetro e meio da aldeia de El Palmar de Troya, município de Utrera, a uns 43 quilómetros a sudeste de Sevilha.

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 21:57
link do post | comentar | favorito

Domingo, 29 de Junho de 2014
Aparições da Virgem e Anjos, Estigmatizações, Rotações do Sol e graus do Zodíaco

 

É incontestável a existência de estranhos fenómenos solares em lugares ditos de aparições da Virgem Maria ou de anjos. O autor deste blog, que não pertence a igrejas, investiga, livremente, os chamados fenómenos sobrenaturais - que, não esqueçamos, podem ser fenómenos naturais de tipo OVNI, conforme a tese de Fina d´Armada, Joaquim Fernandes e outros - descobrindo as leis astronómicas que a eles presidem. Os chamados positivistas que negam este tipo de fenómenos negam o testemunho dos sentidos, o empirismo, lavram em erro. Somos nós os verdadeiros positivistas, que estudamos cientificamente, astronomica e factualmente, as apariçóes e todos os fenómenos empíricos.

 

Certamente, é legítimo argumentar que Deus não existe mas não se pode negar a figura luminosa «sobrenatural» que sobre a igreja de Zeitoun, no Cairo, pairou, a partir de 2 de Abril de 1968, e foi vista por milhares de muçulmanos, filmada e fotografada durante meses. Eis algumas dessas leis astronómicas sobre aparições e fenómenos solares insólitos

 

ÁREA 19º-23º DE CARNEIRO:

MENINO JESUS NOS BRAÇOS DA VIRGEM OU DE UM VIDENTE

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 19º-23º do signo de Carneiro  é condição necessária mas não suficiente para provocar a aparição da Virgem com o Menino Jesus nos braços e a entrega deste a um vidente.

 

Em 26 de Janeiro de 1972, com Marte em 19º 43´ / 20º 23´ de Carneiro, a Virgem do Carmo aparece no lugar de Palmar de Troya com o Menino Jesus nos braços e entrega este ao vidente Clemente Domínguez que dá o Menino a beijar a outros místicos ali presentes; em 7 de Maio de 1972, com Mercúrio em 21º 18´/ 23º 40´ de Carneiro, no lugar da Ladeira, perto de Fátima, o vidente Clemente Dominguez cai em êxtase e vê a Virgem do Carmo entregar-lhe o Menino Jesus.

 

ÁREA 13º-14º DO SIGNO DE TOURO:

ESTIGMATIZAÇÃO MÍSTICA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 13º-14º do signo de Touro é condição necessária mas não suficiente para suscitar estigmatização de um vidente de Palmar de Troya, pequena localidade andaluza.

 

Em 13 de Abril de 1970, com Vénus em 11º 48´/ 13º 2´ de Touro, às três horas da madrugada, o vidente sevilhano Clemente Domínguez, de
23 anos, desperta do sono, na pensão onde dormia, e vê a figura do falecido padre Pio de Pietrelcina, com um furador metálico na mão direita, pedir-lhe as duas mãos e causar-lhe dois estigmas sangrentos, dizendo ao vidente «Sofre isto pelo Santo Padre, tê-lo-ás por pouco tempo»; em 3 de Março de 1972, com Marte em 14º 8´ /14º 47´ de Touro, rodeado de 20 pessoas em El Palmar de Troya, o vidente Clemente Domínguez vê uma hóstia consagrada no ar, dela sai um ponto luminoso que atinge o seu corpo e abre no peito  uma chaga de cinco centímetros de largura, da qual jorra abundante sangue.

 

 

ÁREA 11º-13º DO SIGNO DE GÉMEOS:

OS «MILAGRES DO SOL» EM FÁTIMA EM 1917 E EM ALFÂNDEGA DA FÉ EM 1946

 

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 11º-13º do signo de Gémeos é condição necessária mas não suficiente para suscitar um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica.

 

Em 13 de Outubro de 1917, com Júpiter em 11º 16´/ 11º 3´ de Gémeos,  dezenas de milhar de pessoas concentradas na Cova da Iria, Fátima, Portugal, vêem o sol rodopiar, mudar de côr e acercar-se «perigosamente» da Terra durante uma das aparições da Virgem Maria a três pastorinhos; em 11 de Outubro de 1946, com Nodo Norte da Lua em 13º 12´/ 13º 5´ de Gémeos, milhares de pessoas, convocadas pela jovem vidente Amélia da Natividade Rodrigues, vêem em Vilar Chão, Alfândega da Fé, Portugal, o Sol, tendo no centro um disco azulado, esverdeado ou prateado, rodar para a direita e para a esquerda e irradiar distintas colorações sem ferir a vista.

 

ÁREA 27º-28º DO SIGNO DE LEÃO:

MATERIALIZAÇÃO DE HÓSTIA, CÍRCULOS EM TORNO DO SOL

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 27º-28º do signo de Leão é condição necessária mas não suficiente para suscitar um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica, ou a materialização de uma hóstia.

 

Em  18 de Julho de 1962, com Úrano em 28º 39´/ 28º 43´ de Leão, uma hóstia branca, presumivelmente dada por um anjo invisível, materializa-se na língua de Conchita, uma das seis meninas videntes católicas da localidade de San Sebastián de Garabandal, na Cantábria, Espanha, ante numerosas pessoas; em 7 de Novembro de 1998, com Nodo Norte da Lua em 28º 2´ / 27º 55´ de Leão, centenas de portugueses e espanhóis, entre eles o autor deste blog, observam, cerca das 16 horas e 30 minutos, o sol a aumentar e encolher de tamanho emitindo círculos concêntricos sobre o campo na finca «El Higuerón», da vidente Carmen López, perto de Matarredonda (Marinaleda), província de Sevilha, lugar onde ocorrem fenómenos místicos objectivos.

 

ÁREA 5º-8º DO SIGNO DE VIRGEM:

SURGIMENTO DE HÓSTIA SOBRE A LÍNGUA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 5º-8º do signo de Virgem é condição necessária mas não suficiente para suscitar a materialização de uma hóstia na língua, vinda do nada, em lugar de aparições.

 

Em  18 de Julho de 1962, com Plutão em 6º 26´ / 6º 28´ de Virgem, uma hóstia branca, presumivelmente dada por um anjo invisível, materializa-se na língua de Conchita, uma das seis meninas videntes católicas da localidade de San Sebastián de Garabandal, na Cantábria, Espanha, ante numerosas pessoas; em 18 de Agosto de 1971, com Mercúrio em 9º 19´ / 8º 48´ de Virgem, à vista de muita gente, uma hóstia, supostamente dada por Cristo invisível, aparece na língua da vidente Rosario Arenillas, no lugar de aparições místicas de Palmar de Troya, Utrera; em 15 de Setembro de 1971, com Mercúrio em 4º 2´ / 5º 22´ de Virgem, à vista de 70 pessoas, uma hóstia, supostamente dada por Cristo invisível, surge na língua da vidente Rosario Arenillas, no lugar de aparições místicas de Palmar de Troya, Utrera,  sul de Espanha.

 

ÁREA 13º-17º DO SIGNO DE BALANÇA:

APARIÇÃO DE ANJO, EL PALMAR DE TROYA, ALUSÃO AO PLANETA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 13º-17º do signo de Balança  é condição necessária mas não suficiente para suscitar a aparição de um anjo e fenómenos místicos em El Palmar de Troya, Espanha, sede de um cisma na Igreja Católica Romana e para aludir a planeta para onde vão as almas ou onde há extraterrestres descendentes de Adão e Eva.

 

Em 28 de Maio de 1946, com Júpiter em 17º 55´/ 17º 52´ de Balança, junto de Amélia da Natividade Rodrigues, gravemente doente em Vilar Chão, Alfândega da Fé, aparece uma nuvem que ao abrir-se mostra a Virgem Maria rodeada de anjos que vertem água dos olhos e assim curam Amélia da paralisia dos membros e da chaga na boca; em 9 de Junho de 1946, com Júpiter em 17º 30´/ 17º 29´ de Balança, em Vilar Chão, Alfândega da Fé, Joaquim Bernardo Rodrigues vê uma pirâmide de flores que caen do nada em forma de coroa sobre a cama onde jaz, gravemente doente, sua filha Amélia da Natividade Rodrigues, de 22 anos, e esta diz ver um anjo no canto do quarto a deitar essas flores, em 13 de Setembro de 1950, com Neptuno em 16º 4´ / 16º 13´ de Balança, José Branco, de 13 anos de idade, vê, na Herdade das Choças, Amareleja, Moura, um anjo louro de túnica branca envolto num intenso clarão que lhe anuncia a aparição da Virgem Maria; em 30 de Setembro de 1968, com Júpiter em 14º 16´/ 14º 29´ de Balança, Clemente Dominguez y Gómez, contabilista de Sevilha, de 23 anos de idade, vê pela primeira vez os vultos de Jesus Cristo e do falecido padre Pio de Pietrelcina ao rezar, com outros católicos, junto ao lentisco de aparições da Virgem, em pleno campo, em El Palmar de Troya, Utrera, Sevilha; em 21 de Março de 2005, com Júpiter em 15º 41´/ 15º 34´ de Balança, Clemente Dominguez y Gómez,de 58 anos, cego, papa da minúscula Igreja Cristã Palmariana, nascida de um cisma tradicionalista, em 1975-1978, no seio da Igreja Católica Romana, autor das canonizações de Francisco Franco Bahamonde e José Antonio Primo de Rivera, morre ao celebrar missa tridentina na basílica de El Palmar de Troya, município de Utrera, Espanha.

 

Em 16 de Setembro de 1954, com Mercúrio em 12º 2´/ 13º 28´ de Balança, a Virgem, em aparição, declara ao vidente Carlos Alberto, em Asseiceira, que o inferno não existe e não são precisos os sacramentos da confissão e da comunhão e que «as almas vão para o planeta»; em 27 de Dezembro de 1970, com Úrano em 13º 20´/ 13º 21´ de Balança, o vidente Clemente Domínguez, em Sevilha, dialoga, em visão, com São João Evangelista que lhe diz que não morreu mas foi trasladado vivo a um lugar da Virgem Maria e o vidente vê São João a elevar-se nos céus e a entrar numa estrela ou planeta em que há uma multidão de pessoas de várias raças; em 11 de Dezembro de 1977, com Plutão em 16º 16´ de Balança, em mensagem ao vidente Clemente Domínguez, em Sevilha, Jesus Cristo declara, presumivelmente, que «a população dos distintos planetas descende do primeiro casal criado na Terra, Adão e Eva» e que «Não houve creação nova de seres em outros planetas, foi a própria humanidade da Terra transportada, aos pares de casais, a outros planetas, pelos Anjos» e como «Satanás, anjo da luz má, imitando o Criador, enviou também os seus sequazes a buscar os casais maus» e transportá-los a outros planetas, haverá «no Final dos Tempos uma grande batalha interplanetária» em que os habitantes bons de outros planetas ajudarão os habitantes bons da Terra.

 

 

ÁREA 23º-26º DO SIGNO DE SAGITÁRIO:

APARIÇÕES EM ASSEICEIRA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 23º-26º do signo de Sagitário é condição necessária mas não suficiente para suscitar um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica, ou a materialização de um rosário luminoso que se move vindo do nada, em particular em Asseiceira.

 

Em 16 de Dezembro de 1954, com Sol em 23º 29´ / 24º 30´ de Sagitário, em uma capelinha de paredes de plástico improvisada pelo menino vidente Carlos Alberto, em Asseiceira, ante uma multidão que a GNR, autoritariamente,  procura demover de estar ali, surge do nada um rosário de grandes pérolas que estende e encolhe, emitindo luzes, havendo alguns que vêem uma pequena Virgem de manto azul movendo-se no interior da capelinha; em 16 de Novembro de 1980, com Marte em 25º 25´ / 26º 10´ de Sagitário, em Asseiceira, no lugar de aparições da Virgem, muitas pessoas vêem o sol sem raios, a girar em torno de si próprio, projectando no chão luz amarela, lilás, vermelha, azul e negro claro.

 

ÁREA 4º-5º DO SIGNO DE CAPRICÓRNIO:

OS «MILAGRES DO SOL» DE 1917 EM FÁTIMA E DE 1950 EM AMARELEJA, HÓSTIA VINDA DO NADA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 4º-5º do signo de Capricórnio é condição necessária mas não suficiente para gerar um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica, ou a materialização na língua de um vidente, de uma hóstia branca vinda do nada.

 

  Em 13 de Outubro de 1917, com Nôdo Norte da Lua em 5º 0´/ 4º 48´ de Capricórnio, dezenas de milhar de pessoas concentradas na Cova da Iria, Fátima, Portugal, vêem o sol rodopiar, mudar de côr e acercar-se «perigosamente» da Terra durante uma das aparições da Virgem Maria a três pastorinhos; em 13 de Novembro de 1950, com Marte em 5º 4´/ 49´ de Capricórnio, três mil pessoas aglomeradas no lugar de Choças, Amareleja,no Alentejo, em Portugal, por indicação do vidente José Branco, vêem o sol perder côr, mudar para verde-escuro, aumentar de volume, tomar a forma de um comprimido e girar para a esquerda irradiando várias cores, amarela, roxa e côr-de-rosa, durante 15 minutos; em 16 de Dezembro de 1954, com Nodo Norte da Lua em 5º 37´de Capricórnio, em uma capelinha de paredes de plástico improvisada pelo menino vidente Carlos Alberto, em Asseiceira, ante uma multidão que a GNR, autoritariamente,  procura demover de estar ali, surge do nada um rosário de grandes pérolas que estende e encolhe, emitindo luzes, havendo alguns que vêem uma pequena Virgem de manto azul movendo-se no interior da capelinha; em 15 de Março de 1972, com Júpiter em 5º 48´ /5º 55´ de Capricórnio, no lugar  de aparições de El Palmar de Troya,onde dezenas de pessoas rezam, uma hóstia branca vinda do nada é vista sobre a língua da vidente María Marin, a vidente Rosario Arenillas vê o falecido padre Pio com o Menino Jesus nos braços;em 18 de Junho de 1972, com Júpiter em 4º 19´/ 4º 12´ de Capricórnio, no lugar de aparições El Mimbral, a uns 12 quilómetros de Sevilha capital, alguns devotos vêem uma hóstia branca formar-se na língua do vidente Clemente Domínguez y Gómez, num acto de  comungar místico supostamente exercido por Jesus.  

 

ÁREA 3º-4º DE AQUÁRIO:

ESTIGMATIZAÇÃO MÍSTICA

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 3º-4º do signo de Aquário é condição necessária mas não suficiente para causar  estigmatização de um vidente de Palmar de Troya.

 

Em 3 de Março de 1972, com  Nodo Norte da Lua em 4º 38´/ 4º 31´ de Aquário, rodeado de 20 pessoas em El Palmar de Troya, o vidente Clemente Domínguez y Gómez vê uma hóstia consagrada no ar, dela sai um ponto luminoso que atinge o seu corpo e abre no peito deste uma chaga de cinco centímetros de largura, da qual jorra abundante sangue; em 14 de Março de 1973, com Júpiter em 3º 46´/ 3º 57´ de Aquário, às 20.45 horas, na presença de dezenas de pessoas que rezam a céu aberto, em Palmar de Troya, o vidente Clemente Dominguez cai para trás, retorcendo-se de dor, ao ser fulminado, no lado direito do peito por raios emitidos por uma entidade que parece ser Jesus Cristo, ficando com um estigma sangrento de nove centímetros de comprimento e dois centímetros de largura.

 

 

 

ÁREA 27º-29º DO SIGNO DE AQUÁRIO E 0º DE PEIXES:

ROTAÇÕES DO SOL EM AMARELEJA E TRES FONTANE, APARIÇÕES DE ANJOS

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um nodo da Lua na área 27º-29º do signo de Aquário  e 0º do signo de Peixes é condição necessária mas não suficiente para fazer acontecer  um «milagre do sol», isto é, um fenómeno solar insólito que pode ser de natureza mística ou ovniológica, ou aparições de anjos e da Virgem Maria.  

 

Em 13 de Setembro de 1950, com Júpiter em 0º 14´ / 0º 7´ de Peixes,José Branco, de 13 anos de idade, vê, na Herdade das Choças, Amareleja, Moura, um anjo louro de túnica branca envolto num intenso clarão que lhe anuncia a aparição da Virgem Maria; em 7 de Outubro de 1950, com Júpiter em 28º 5´/ 28º 2´ de Aquário, a senhora Fred Vam Hoof,em Necedah, EUA, vê a Virgem Maria que diz «Eu sou a Rainha do Mui Santo Rosário,medianeira da paz»; em 13 de Novembro de 1950, com Júpiter em 28º 14´ / 28º 18´ de Aquário, três mil pessoas aglomeradas no lugar de Choças, Amareleja,no Alentejo, em Portugal, por indicação do vidente José Branco, vêem o sol perder côr, mudar para verde-escuro, aumentar de volume, tomar a forma de um comprimido e girar para a esquerda irradiando várias cores, amarela, roxa e côr-de-rosa, durante 15 minutos; em 12 de Abril de 1980, com Nodo Sul da Lua em 27º 56´/ 27º 55´ de Aquário, 3 000 pessoas que assistem a uma missa campal em Tres Fontane, Roma, vêem o Sol crecer e rodar vertiginosamente sobre si mesmo, mudar de côr sem ferir a vista e apresentar figuras místicas no seu disco, um M de Maria, transformado depois num coração, e uma grande hóstia, com as letras IHS, sigla da eucaristia; em 2 de Janeiro de 1985, com Vénus em 27º 28´/ 28º 35´ de Aquário, Nossa Senhora aparece aos videntes de Medjugorge, Bósnia-Herzegovina, rodeada de anjos.

 

PONTO 4º 57´/ 5º 0´  DE QUALQUER SIGNO:

ROTAÇÕES DO SOL

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um Nodo da Lua no ponto 4º 57´ / 5º 0´ de qualquer signo  é condição necessária mas insuficiente para suscitar fenómeno solar invulgar como rotações do disco solar em lugares de aparições marianas. 

 

Em 13 de Outubro de 1917, com  5º 0´/ 4º 47´ de Capricórnio, dezenas de milhar de pessoas concentradas na Cova da Iria, Fátima, Portugal, vêem o sol rodopiar, mudar de côr e acercar-se «perigosamente» da Terra durante uma das aparições da Virgem Maria a três pastorinhos; em 15 de Maio de 1970, com Úrano em 5º 0´/ 4º 59´ de Balança, 40 000 pessoas contemplam, no lugar de aparições místicas de Palmar de Troya, Utrera, sul de Espanha, três rotações do sol no céu, aparecendo dentro ou fora do astro rei a pomba do Espírito Santo, uma hóstia sagrada e a silhueta da Virgem Maria, ocorrendo curas de doentes com água que os peregrinos traziam e que é abençoada pela Virgem.  

 

PONTO 12º 44´/ 12º 48´ DE QUALQUER SIGNO:

SOL RODOPIANTE EM FÁTIMA, HÓSTIA COM IMAGEM EM MOURE

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um Nodo da Lua no ponto 12º 44´/ 12º 48´ de qualquer signo  é condição necessária mas insuficiente para suscitar fenómeno solar invulgar como rotações do disco solar em lugares de aparições marianas ou fenómeno invulgar com hóstia, imitação em pão do disco solar. 

 

Em 13 de Outubro de 1917, com Saturno em 12º 47´/ 12º 52´ de Leão, dezenas de milhar de pessoas concentradas na Cova da Iria, Fátima, Portugal, vêem o sol rodopiar, mudar de côr e acercar-se «perigosamente» da Terra durante uma das aparições da Virgem Maria a três pastorinhos; eem 18 de Maio de 1998, com Úrano em 12º 45´/ 12º 44´ de Aquário, a silhueta da cabeça coroada de espinhos de Jesus Cristo surge na hóstia grande exposta na custódia da igreja de Moure, Barcelos, diante de centenas de pessoas, ainda que os cépticos digam que setrata de um fenómeno óptico sem sobrenaturalidade. 

 

 

PONTO 28º 42´/ 28º 58´ DE QUALQUER SIGNO:

 

ROTAÇAO DO SOL OU CÍRCULOS CONCÊNTRICOS EMITIDOS PELO SOL, HÓSTIA VINDA DO NADA

 

 

A passagem do Sol, de um planeta ou de um Nodo da Lua no ponto 28º 42´/ 28º 58´ de qualquer signo  é condição necessária mas insuficiente para suscitar fenómeno solar invulgar em lugares de aparições ou surgimento de hóstia, imagem do disco solar, a partir do vazio.

 

Em 2 de Outubro de 1961, com Úrano em 28º 43´/ 28º 46´ de Leão, durante 3 horas, cai do céu limpo uma chuva de flocos brancos formando uma camada de 50 a 150 centímetros de altura no lugar das aparições da Virgem Maria, em Vale da Fonte, Lageosa do Dão, fenómeno presenciado por uma multidão e um jornalista; em 24 de Dezembro de 1961, com Saturno em 28º 47´/ 28º 53´ de Gémeos, ocorre um fenómeno solar estranho com materialização de uma grande nuvem branca entre os pinheiros no lugar das aparições da Virgem Maria, em Vale da Fonte, Lageosa do Dão; em  18 de Julho de 1962, com Úrano em 28º 39´/ 28º 43´ de Leão, uma hóstia branca, presumivelmente dada por um anjo invisível, materializa-se na língua de Conchita, uma das seis meninas videntes católicas da localidade de San Sebastián de Garabandal, na Cantábria, Espanha, ante numerosas pessoas; em 7 de Novembro de 1998, com Saturno em 29º 3´ / 28º 58´  de Carneiro, centenas de portugueses e espanhóis, entre eles o autor deste blog, observam, cerca das 16 horas e 30 minutos, o sol a aumentar e encolher de tamanho emitindo círculos concêntricos sobre o campo na finca «El Higuerón», da vidente Carmen López, em Matarredonda (Marinaleda), província de Sevilha, lugar onde ocorrem fenómenos místicos objectivos.

 

Enfim, a universidade mundial nada sabe sobre isto. A mão invisível dos iluminati, manobrando editoras, livrarias, canais de televisão e jornais, marginaliza o verdadeiro conhecimento, o oiro do saber, a astrologia histórica, e promove a pseudo filosofia fragmentária e a astrologia anti historicista.



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 23:43
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
18
19
20
21

23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

Breves reflexões de Abril...

Pai Eterno, Virgem Maria ...

Aparições da Virgem e Anj...

arquivos

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Teste de filosofia do 11º...

Pequenas reflexões de Ab...

Suicídios de pilotos de a...

David Icke: a sexualidade...

links
blogs SAPO
subscrever feeds