Quarta-feira, 28 de Novembro de 2018
Reflexões de circunstância em Novembro de 2018

 

RUFINO, O ALFAIATE ANARQUISTA DE BEJA. 3 de Novembro de 2018. Encontro em Beja, casualmente Vítor, detentor de uma vasta cultura política, com quem aprecio conversar. Diz-me: «Sou anarquista colectivista, o anarquista individualista não conduz a nada pois diz: «Que direito a mais que eu tem o Estado de cobrar impostos? Que direito tem o Estado de impor que eu circule pela direita quando conduzo automóvel?». Sou pelo anarquismo colectivista de Durruti e Bakounine, embora hoje não haja uma central ideológica anarquista. O último anarquista em Beja era o alfaiate Rufino, que morreu há uns 20 anos, e frequentava uma associação popular da pequena burguesia situada ao fundo da Rua dos Infantes, no prédio onde está a Aliance Française. Eu gostava de trocar ideias com o Rufino. Também me lembro do anarquista Gonçalves Correia falecido em 1967 a circular de bicicleta, com grandes barbas brancas, pelas ruas de Beja.»

 

«O anarquismo é pela liberdade como valor supremo. A liberdade vai para além da democracia que é um sistema formal de pluralidade de partidos políticos. É estúpido dizer que «a minha liberdade acaba onde começa a liberdade do outro» porque as duas liberdades podem somar-se uma à outra e criar mais liberdade. O Bloco de Esquerda não é anarquista: é social-democrata e recebeu bandeiras do Maio de 1968 em França como a defesa da liberdade dos homossexuais e transgéneros, a liberdade de consumir drogas leves, etc., que o PCP foi obrigado a copiar por razões táticas. O PCP em 1975 não queria que a reforma agrária avançasse  mas as ocupações de terra começaram impulsionadas pelo MES, UDP, PRP, LUAR e o PCP teve que se colar criando as Unidades Colectivas de Produção que controlou.»

 

AFONSO CAUTELA E O ALQUEVA. 3 de Novembro de 2018. Vítor diz-me: «Estive há dias em uma reunião de anarquistas promovida pela revista «A ideia». A situação mundial é complexa. Não podemos dizer que os anarquistas são contra todo o serviço militar porque mantém-se o conceito de «o povo em armas» para defender as liberdades, o que nada tem a ver com as ideias do fascista Bolsonaro. Lembro-me de há muitos anos o Afonso Cautela, jornalista e ecologista radical, ter dito numa conferência que «o Alqueva irá ser um desastre ecológico, alterando o clima do Alentejo, extinguindo espécies de aves, etc». Ora passados estes anos nada disso se passou: o clima do Alentejo mantém-se o mesmo, as espécies de aves sobrevivem. O Afonso defendia a construção de pequenas barragens em vez do grande lago do Alqueva mas isso não iria resolver nada. E hoje o Alentejo é a maior região agrícola do país, com culturas diversificadas. Os nossos vinhos, em especial na zona de Reguengos de Monsaraz, atingem alto nível de produção e de qualidade»

Eu digo: «Cheguei a conhecer o Afonso Cautela, Vítor, por volta de 1977 e ainda tenho textos dele editados logo após o 25 de Abril de 1974. Não sabia que ele era de Ferreira do Alentejo.»

 

 

SINCRONISMOS FONÉTICOS. Em 3 e 4 de Novembro de 2018, as ideias de NOGUEIRA, PEDRA, FORO e MARCELO estão em foco: no dia 3, Vítor diz-me que o sindicalista Mário NOGUEIRA é membro do Comité Central do PCP e isso tira autonomia à FENPROF, Patrick NOGUEIRA, que cometeu um quádruplo assassinato de familiares em Pioz, Guadalajara, Espanha, é declarado culpado pelo júri popular; no dia 4, na Plaza de los FOROS, em Alsasua, Navarra, Espanha, três partidos da direita - PP, Ciudadanos e Vox - promovem uma concentração de apoio a dois guardas civis agredidos há 2 anos em um bar e os populares independentistas «abertzales» manifestam-se contra, havendo PEDRADAS, dizem-me que o meu amigo PEDRO sofre de PEDRA nos rins e que a água das PEDRAS faz baixar a tensão arterial dos hipertensos, MARCELO Rebelo de Sousa preside a um desfile de 4500 militares das forças armadas e de segurança em comemoração dos 100 anos do armistício que pôs fim à primeira Guerra Mundial, a imprensa desportiva diz que o novo treinador do Sporting é o holandês MARCEL Keizer, vou ao restaurante AlcoFORADO (evoca: FORO) em Beja.

 

SINCRONISMO FONÉTICO- Em 5 e 6 de Novembro de 2016, as ideias de SOL e de SANTA MARIA estão em foco: no dia 5, digo a uma mulher a quem amo «És linda como o SOL»; no dia 6, a SOLA (evoca: SOL) do sapato direito que uso descola-se ao andar na rua, noticia-se que 14 empresas concorreram a instalar um posto espacial para lançar micro-satélites na ilha de SANTA MARIA, Açores, dizem-me que no passado dia 2 uma professora da Escola de SANTA MARIA em Beja sofreu um infarto de miocárdio.

  

SENTIR-SE HOMOSSEXUAL É PECADO? NÃO. PRATICAR ACTOS HOMOSSEXUAIS, EM PARTICULAR SEXO ANAL, É PECADO? É E CONDUZ AO INFERNO. Mas o inferno existe? Sim, é um estado de superconsciência do mal que se praticou quando o espírito, pela morte, se desprende da «caixa» do corpo físico e vê o «filme» da sua existência e da de outros. Através da oração e meditação é possível superar os desvios sexuais, homo e heterossexuais? É. Basta insistir diariamente, com tenacidade e confiança em Deus. E travestir-se no carnaval é pecado? É, na medida em que lance uma mensagem dúbia de apoio à homossexualidade. Então porque te travestes? Porque não sou perfeito, porque não gosto de deixar isolada a comunidade gay e lesb, embora eu não seja gay nem bi, porque aceito ser desprezado pela opinião pública por me mascarar no feminino por amor de Cristo e porque confio na misericórdia do Pai do Puro Amor e da Deusa do universo. Mas  conservo a noção de que o Carnaval ofende ao Deus dos cristãos e agrada ao Anti-Cristo.
.

A sociedade actual está errada com o conceito de identidade de género, que nivela a homossexualidade com a heterossexualidade? Sim e não. Sim, porque o casamento homossexual é um equívoco, tal como a adopção por crianças e adolescentes por casais homossexuais é um erro educacional. Não, porque os homossexuais deve ser tratados com doçura e poder mover-se sem ameaças nem agressões físicas, tendo os seus bares e paradas gays dos meses de Junho e Julho de cada ano.

 

SE ME AMAS ESQUECE. EU AMO TANTAS MULHERES QUE NÃO CABERIAM TODAS NA CIDADE DE BEJA. Este mundo não foi feito para que tu e eu nos amássemos. Pois como poderíamos ser felizes se a maioria dos casais não se ama ternamente?

 

SE TE ABSTIVERES DO SEXO GENITAL E VIVERES DO BEIJO ÉS MAIS FELIZ. Não tens que provar a ninguém que és macho ou fêmea sensual. Mas o melhor é a oração ao Céu, a Nosso Senhor. Pois este existe mesmo e a tua falta de percepção é que não te deixa percebê-Lo.

 

SE NÃO TENS A NAMORAR OU A VIVER CONTIGO O AMOR (CARNAL) DA TUA VIDA CONSIDERA-TE UMA PESSOA AFORTUNADA: NOSSO SENHOR RESERVOU-TE UM AMOR MAIS ALTO, O AMOR DIVINO QUE NÃO SE FIXA A ESTA OU ÀQUELA PESSOA MAS SE DERRAMA POR TODAS ATÉ PELOS ANIMAIS.

 

BREVEMENTE TERÁS MORRIDO. OS ANOS PASSAM DEPRESSA. ENTÃO O QUE TE IMPEDE DE REZAR A DEUS-DEUSA, A JESUS, À VIRGEM MARIA ANTI-REPTILIANA, AO PADRE PIO DE PIETRELCINA, A SANTA RITA DE CÁSSIA? A oração dá um consolo enorme, liberta de preocupações. Abandona esse teu racionalismo ateu ou agnóstico, o mundo dos espíritos celestes existe e comunica contigo. Se os filósofos e professores de filosofia são, na grande maioria,  fracos ou medianos pensadores, adeptos de uma errónea lógica proposicional, incapazes de perceber o determinismo planetário na vida humana, isso deve-se não apenas à genética mas também ao facto de orgulhosamente não orarem a Deus cuja ciência infusa é muito maior do que o racionalismo de Descartes, Kant ou Hegel, Russel ou Wittgenstein.

 

www.filosofar.blogs.sapo.pt

f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 00:35
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Bloco de Esquerdas y Pode...

«Dicionário de Filosofia ...

Equívocos da lógica propo...

Reflexões de circunstânci...

Milagres do Padre Pio de...

Áreas 9º-10º de Virgem: e...

Ninguém é muito bom em fi...

Júpiter em 2º de Sagitári...

Vacinação ou o fascismo m...

17-19 November 2018: Mars...

arquivos

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Teste de filosofia do 11º...

Pequenas reflexões de Ab...

Suicídios de pilotos de a...

David Icke: a sexualidade...

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds