Sexta-feira, 6 de Dezembro de 2019
Daniel Estulín: 2014 é o princípio do fim do globalismo e Trump é contra o globalismo

 

Em 7 de Junho de 2019, Daniel Estulin (29 de Agosto de 1966, Vilnius, URSS) ex oficial do KGB a viver em Espanha e autor de livros de fama mundial sobre o clube de Bilderberg e o globalismo em curso, deu uma entrevista no Clube de Jornalistas do México de que transcrevemos partes.

  

«Que significa Evola? Guerra Bacteriológica, não? Extrapolamos um passo mais além: " Se queres sobreviver, necessitas do mundo transumanista. Explico-me ou não? Vamos da guerra bacteriológica ao Evola e ao transumanismo. Para criar um mundo transumano que é um conceito absolutamente novo nesta sexta revolução industrial, ou sexto desenvolvimento tecnológico no seio da quarta revolução industrial, necessitamos onde o fazer: não podes construi-lo em países como México, EUA, Rússia, porque todos os países que são países  têm a élite nacional, explico-me, e a élite nacional também luta pelos recursos que repousam no dinheiro nas finanças mas para a elite o dinheiro não significa nada porque desde logo . Então  para desenhar um novo sistema dentro deste sexto desenvolvimento tecnológico necessitas de um território onde não há elite e para isso Ucrânia, ou Venezuela ou qualquer país africano serve às maravilhas porque te permite sobre uma superfície vazia, virgem, porque não há nada, desenhar um conceito do futuro tecnologicamente avançado que hoje em dia já não serve aos cânones civilizacionais do globalismo. Explico-me. Neste sentido podemos falar da China. China não é um país comunista, tão pouco é o país socialista como vós entendeis socialismo. China é socialismo com a específica China: que significa isto?»

 

«O que está fazendo o Vaticano na Europa é o mesmo que está fazendo Soros a trazer (gente) da América Latina para os EUA. Do mesmo tipo não, porque o Vaticano é parte do Projecto Internacional Negro, terra e sangue , cores negro e vermelho, cores do nazismo, cores dos jesuítas. Por isso quando eu falo de Trump ou falo de Guaidó o tipo que se chama presidente na Venezuela é um projecto dos jesuítas, há que entendê-lo desde esta óptica conceptual. Voltando ao que comentamos antes: o sexto desenvolvimento tecnológico, diferente de qualquer outro que veio antes, requer o desmantelamento do globalismo como sistema, senão não  não pode funcionar. Se falamos de globalismo podemos pôr-lhe data à morte do globalismo: 2014. Começou em 2011 com Líbia. 2014 é o fim com a Rússia, com a Crimeia que se uniu à Rússia. Com as sanções e com os embargos era o fim do globalismo como o conhecemos. O globalismo o que é? Se há qualquer coisa que tu necessitas podes ou comprar ou roubar ou inventar. E muitas vezes é muito mais fácil roubar, roubar não é só os chineses a fazê-lo: roubam os americanos, roubam todos porque sai muito mais barato se não compras. Então 2014 é o princípio do fim do globalismo. a partir deste ponto já não podias comprar porque começaram a fechar-se os mercados. Porquê? Porque voltamos outra vez atrás, é um desenho complexo, não é fácil.»

 

«Mas o conceito velho, de sempre, de Vestefália, de Estado Nação, de país, de leis, de códigos laborais, de nossas fronteiras, tudo isso está morto. Em  cinco anos, o nosso mundo  parece exactamente o mundo depois da primeira guerra mundial. Pelo que houve uma mudança incrível dos nossos países, dos territórios. Isto cai-nos em cima agora. É absolutamente inevitável. E isto acontece a nível global. A elite - não estou falando da massa que não entende nem pinta nada nesta história. Eles entendem, dado que a globalização está morta, que Vestefália como conceito, estamos falando de 1748, até aos anos 60 do século XX, chamamos-lhe o globo 1.0, está morto. Globo 2.0 é 1968, quando a reunião do clube de Bilderberg (...)»

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 18:08
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 3 de Dezembro de 2019
Dicionário de Filosofia e Ontologia (campanha promocional)

DICIONARIO DE FILOSOFIA.jfif

O dicionário que melhor explica o pensamento dialético e suas leis que suplantam a lógica simbólica e proposicional. Agora em campanha promocional até 7 de Dezembro de 2019: só 16 euros (para Portugal), 520 páginas com muitos itens inovadores.

Pedidos a f.limpo.queiroz@sapo.pt 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 20:40
link do post | comentar | favorito

Domingo, 1 de Dezembro de 2019
Áreas opuestas 13º-14º de Acuario e 13º-14º de Leo: accidentes de trenes en España

 

El paso del Sol, de un planeta o de un nodo de la Luna en el área 13º-14º del signo de Acuario y en el área diametralmente opuesta 13º-14º del signo de Leo es condición necesaria pero no bastante como para originar accidentes de trenes en España.

 

El 31 de marzo de 1997, con Júpiter en 14º 50´/15º 1´del signo de Acuario,  un accidente ferroviario en Uharte-Arakil, Comunidad Foral de Navarra, con el tren Intercity Barcelona-Irún, provoca 18 muertos; el 13 de diciembre de 1999, con Marte en 12º 51´/ 13º 38´del signo de Acuario, seis personas sufren heridas y diversas contusiones al chocar a poca velocidad un tren de viajeros de FEVE contra un convoy de mercancias en Valdecilla, el ultimo apeadero de la línea antes de llegar a Santander.

 

El 9 de agosto de 1970, con Marte en 13º 56´/ 14º 34´ del signo de Leo, un accidente ferroviario en el norte de España provoca 50 muertos; el 21 de julio de 1972, con Marte en 14º 8´/ 46´del signo de Leo, un desastre ferroviario en Lebrija, ( Sevilla ) provoca 80 muertos y más de 120 heridos.

 

Algunas de las próximas fechas en la que el Sol, un planeta o Nodo de la Luna pasarán en el área 13º-14º del signo de  Acuario, de 300 a 330 grados de longitud eclíptica,  son: 30 y 31 de diciembre de 2019 y 1 de enero de 2020 (Vénus); los 24 y 25 de enero de 2020 (Mercurio); del 2 al 4 de febrero de 2020 (Sol); del 18 al 21 de abril de 2020 (Marte).

 

Algunas de las próximas fechas en la que el Sol, un planeta o Nodo de la Luna pasarán en el área 13º-14º del signo de  Leo, de 120 a 150 grados de longitud eclíptica,  son: del 4 al 7 de agosto de 2020 (Sol); los 11 y 12 de agosto de 2020 (Mercurio); los 18 y 19 de septiembre de 2020 (Vénus).

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Derechos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 15:46
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 28 de Novembro de 2019
Grado 0 del signo de Capricornio: accidentes de trenes en España

 

El paso de un planeta o Nodo de la Luna por 0º del signo de Capricornio (es decir: grado 270º de la longitud eclíptica) es condicón necesaria pero no suficiente como para generar un gran accidente de tren en España.

 

El 5 de septiembre de 1959, con Saturno en 0º 27´ del signo de Capricornio, el tren expreso Madrid-Badajoz descarrilla entre las estaciones de Belalcázar y Las Cabras ( Córdoba ), registrandose 85 heridos, 5 de ellos graves; el 28 de septiembre de 1959, con Saturno en 0º 51´ del signo de Capricornio,  descarrilla el expreso de Algeciras entre las estaciones de El Casar y La Guardia ( Toledo), habiendo algunos muertos; el 21 de julio de 1972, con Júpiter en 0º 21´/ 0º 15´ del signo de Capricornio, un desastre ferroviario en Lebrija, ( Sevilla ) provoca 80 muertos y más de 120 heridos.

 

Algunas de las próximas fechas en las que el Sol, un planeta o Nodo de la Luna en 0º de Capricornio son: del 2 al 7 de diciembre de 2019 (Júpiter); 22 y 23 de diciembre de 2019 (Sol); 29 de diciembre de 2019 (Mercurio); los 16 y 17 de febrero de 2020 (Marte); del 21 de abril al 5 de mayo de 2020 (Nodo Sur de la Luna).

 

Post Scriptum del 8 de diciembre de 2019. La primera previsión se confirmó. El 5 de diciembre de 2019, una joven de 18 años se acerca de forma repentina a un tren de Feve que abandonaba la estación de La Asunción rumbo hacia Matallana, en la provincia de León, en un paso del ferrocarril de vía estretcha, y muere al ser atropellada por la máquina del tren.

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Derechos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 12:44
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 26 de Novembro de 2019
Livro «Astrología y Guerra Civil de España de 1936-1939»

capa astrologia 2.jpg

Esta es nuestra obra de investigación astronómica sobre la guerra civil de España de 1936-1939, obra presentada en Beja, Alentejo, sur de Portugal,  en enero de 2007. Es un libro de 87 páginas. Sólo se han vendido algunos ejemplares en Sevilla capital. La prensa no dio destaque a este libro que identifica, con un método positivista, incontestable, diversas áreas del Zodíaco vinculadas a ciudades y regiones de España y Catalunya. Véase un ejemplo. 

 

ÁREA 0º-12º DEL SIGNO DE ARIES:

BARCELONA

 

El paso de los planetas, o del Sol, del planetoide Quirón o de un Nodo de la Luna en el área 0º-12º del signo de Aries suscita bombardeos y operaciones militares diversas en Barcelona.

 

Del 3 al 7 de mayo de 1937, con Saturno en 0º 49´/ 1º 20´ del signo de Aries, se libra una guerra civil en Barcelona entre las fuerzas gubernamentales del PSUC y ERC y los anarquistas e el POUM, resultando entre 500 y 600 muertos; del 22 al 25 de julio de1937, con Saturno en 5º 7´/ 5º 4´ del signo de Aries, Barcelona ciudad es bombardeada por mar, en los días 22 y 24, resultando 7 muertos y 25 heridos, y, el día 25, por los aviones “S-81” que producen 22 muertos en Sant Andreu, Pueblo Nuevo y Santa Coloma de Gramanet; del 16 al 18 de marzo de 1938, con Venus en 4º 30´/ 8º 13´ del signo de Aries, acaecen sucesivos bombardeos de Barcelona por la aviación fascista italiana, causando un millar de muertos; el 26 de enero de 1939, con Saturno en 12º44´/ 12º 48´ del signo de Aries, Barcelona es ocupada por las tropas franquistas.

 

Hasta el momento no tuviemos propostas de editores españoles que tienen posibilidades como  para  publicar este libro tan original en la historiografia ibérica. ¿Porquê callar la verdad?

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Derechos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 00:08
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 25 de Novembro de 2019
O Bloco de Esquerda serve a Cristo ou a Satã?

O Bloco de Esquerda, que oscila entre a social-democracia, o trotskismo e o anarquismo, tem uma intervenção meritória no campo da defesa dos direitos dos trabalhadores: Alberto Matos, coordenador do BE no Baixo Alentejo, faz um trabalho notável de integração de imigrantes islâmicos e hindus, africanos ou asiáticos, em Beja, a deputada do BE, Isabel Pires, esteve com os mineiros da Somincor, Castro Verde, em 6 de Novembro de 2017, numa greve que teve como objetivo central a humanização dos horários de trabalho, para os dois grandes grupos de trabalhadores, os mineiros e os operadores de lavarias e adstritos.

 

Mas no plano da moral sexual individual o Bloco de Esquerda é uma lástima: é o principal promotor da ideologia de igualdade de género em Portugal, enfeudado que está à LGBTI. A propaganda do homossexualismo leva muitas almas a cair no inferno e é contra-revolucionária: o homossexual pode ser, artística e literariamente, muito criativo mas não é, em regra, suficientemente forte para adoptar posições revolucionárias que passam por desligar o país da União Europeia e da Nova Ordem Mundial. Ao promover com o PS, dominado pela maçonaria, e com o PCP, as leis do aborto livre, do casamento de gays e lésbicas e da adopção de crianças por casais gays, o BE serve Lúcifer, o príncipe deste mundo, que nos quer enganar a todos com uma falsa felicidade passageira. Os nossos adolescentes estão profundamente corrompidos: aos 12 ou 13 anos, há já bastantes rapazes e raparigas aqui no Alentejo que participam em orgias bissexuais, se fazem fotografar nus e difundem essas fotos na internet.

 

www.filosofar.blogs.sapo.pt

f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 22:01
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019
27 y 28 de noviembre de 2019: ¿Saturno contra Pedro Sánchez?

Puede una persona escaparse del determinismo planetario,? Cremos que no, salvo que a través de persistentes oraciones a Díos.

 

Pedro Sanchez nació el 29 de febrero de 1972, con Úrano en 17º 44´ / 17º 42´ del signo de Libra. Los 27 y 28 de noviembre de 2019, Saturno estará del 17º 35´  al 17º 47´ del signo de Capricornio, haciendo un angulo de 90º con el Úrano de nacimiento de Sánchez.

 

Un angulo semejante ocurrió los 28 de febrero y 1 de marzo de 2019.

Y ese angulo, como regla, significa: frustración, contienda, fracaso, dolor psíquico o físico, pérdida. ¿Que ocurrirá? 

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Derechos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 21:04
link do post | comentar | favorito

Áreas 4º-8º del signo de Acuario y 0º-8º de Géminis : Salamanca

 

El paso del Sol, Quirón un planeta o nodo lunar en el área 4º-7º del signo de Acuario y a veces en el área 0º-8º  del signo de Géminis es condición necesaria pero no suficiente como para generar accidentes notables, actos públicos o otros hechos significados en Salamanca.

 

El 28 de enero de 1938, con Vénus en 5º 42´/ 6º 57´del signo de Acuario, Nodo Sur de la Luna en 4º 14´/ 9´ del signo de Géminis, se opera un bombardeo aéreo de Salamanca; el 29 de septiembre de 1956, con Quíron en 6º 34´/ 6º 33´del signo de Acuario, Nodo Sur de la Luna en 0º 37´/ 33´del signo de Géminis, el ministro falangista Arrese organiza una gran manifestación falangista de apoyo a Franco en Salamanca en el 20º aniversario de su ascensión a la jefatura del Estado durante la guerra; el 18 de septiembre de 2000, con Neptuno en 4º 0´/ 3º 59´ del signo de Acuario, Saturno en 0º 57´/ 56´del signo de Gémini, tras una faena anodina, el diestro José Tomás se niega a estoquear a su primero astado, el toro “ Botinero II” en la feria de Salamanca; el 8 de diciembre de 2000, con Neptuno en 4º 34´/ 36´del signo de Acuario, Júpiter en 4º 49´/ 41´del signo de Géminis, casi un millar de personas tienen que ser evacuados de sus casas en un barrio de Ciudad Rodrigo, en Salamanca, por la crecida del río Agueda; el 14 de enero de 2001, con Mercurio en 5º 43´/ 7º 23´del signo de Acuario, Júpiter en 1º 25´/ 22´del signo de Géminis, fallece en la clínica Santísima Trinidad de Salamanca, a los 49 años, el matador de toros salmantino Julio Robles Hernández; el 28 de mayo de 2001, con Neptuno en 8º 42´del signo de Acuario, Saturno en 4º 41´/ 49´del signo de Géminis, Manuel Cárdenas, de 52 años, asesina de 20 puñaladas a su novia Mariana García, de 36 años, por haber dejado la prostitución en un club de alterne y no poder vivir de lo que ganaba ella ahí, y hiere en las manos y en el brazo izquierdo a la hija de ésta, Mónica González, a unos 20 kilómetros de Salamanca capital, en la carretera que une las localidades de Nuevo Naharros y Nuevo Amatos, donde vivían; el 28 de junio de 2001, con Neptuno en 8º 13´/ 11´del signo de Acuario, Saturno en 8º 35´/ 43´del signo de Géminis, el Pleno de las Cortes de Castilla y León rechaza, gracias a la mayoría parlamentaria del PP, la creación de una comisión de investigación sobre la polémica adjudicación de los casinos de León y Salamanca, a pesar de que la adjudicación en el año de 1999 del casino de Salamanca a la empresa editorial Gruposa fuera denunciadapor el industrial salmantino, proprietario de Globalia, Juan José Hidalgo, que había acusado a altos cargos del PP de urdir una trama contra sus intereses para beneficiar a Gruposa.

La deformación de las filosofías y la epistemologías reinantes en la   universidad es tan grande que no  puede concebir el desarrollo de los hechos históricos según lo determinado por las posiciones planetarias. Los académicos carecen de inteligencia holística y de humildad y callan nuestra investigación positiva. 

 

       www.filosofar.blogs.sapo.pt

          f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Derechos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 16:27
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
Áreas 16º-19º de Sagitário e 3º-10º do signo de Peixes : a esquerda emerge em Beja

A área 16º-19º do signo de Sagitário activa, em regra, o movimento operário e pequeno burguês de esquerda na cidade e concelho de Beja.

 

Em 8 de Dezembro de 1908, com Sol em 15º 31´/ 16º 32´ do signo de Sagitário, é inaugurada em Beja a Escola Democrática Aresta Branco após um grande comício republicano no quintal do Hotel Vista Alegre com a presença de Brito Camacho e Bernardino Machado.

 

Em 8 de Dezembro de 1910, com Sol em 15º 1´/ 16º 2´ do signo de Sagitário, forma-se a Associação de Classes Mistas dos Operários Bejenses.

 

Em 27 de Outubro de 1917, com Vénus em 17º 21´/ 18º 29´ de Sagitário, os alunos do liceu Fialho de Almeida, em Beja, entram em greve pelo que o governo de Afonso Costa encerrará a escola por 10 dias.

 

A área 3º-10º do signo de Peixes activa, em regra, o movimento operário e pequeno burguês de esquerda na cidade e concelho de Beja.

 

De 6 a 8 de Março de 1920, com Úrano em 2º 26´ / 2º 36´do signo de Peixes, eclodem greves em Beja, dos funcionários públicos, no dia 6, e dos operários de construção civil e funcionários da água, limpeza e iluminação do município de Beja.

 

Em 16 de Dezembro de 1922, com Marte em 3º 16´/ 4º 0´ do signo de Peixes, tem início, em Évora, o 5º Congresso dos Trabalhadores Rurais, hegemonizado pelos anarco-sindicalistas que aprovarão a tese da socialização das propriedades agrícolas e no qual o anarquista Gonçalves Correia, residente em Beja, apresenta a comunicação "A felicidade de todos os seres na sociedade futura".

 

Em 1 de Janeiro de 1962, com Quirón em 3º 5´/ 3º 8´ de Piscis, de madrugada, descoordenados entre si, um grupo de civis chefiado por Manuel Serra e um grupo de militares chefiado pelo capitão Varela Gomes assaltam e ocupam o Regimento de Infantaria 3, quartel de Beja, num intento de derrubar Salazar, mas o segundo comandante major Calapez fere gravemente a tiro Varela Gomes e dispara no escuro, durante horas, havendo 3 mortes, entre elas a do subsecretário do exército Jaime da Fonseca, que se deslocara a Beja de manhã, e o golpe revolucionário fracassa, não chegando a entrar em acção, como chefe do golpe anti-salazarista, o general Humberto Delgado, escondido numa casa da Rua Ancha da capital do Baixo Alentejo.

 

www.filosofar.blogs.sapo.pt

f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)

 

 

 



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 17:42
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 19 de Novembro de 2019
Sincronismo de Franco com a extrema-esquerda lusa

 

HÁ, PORVENTURA, UM SINCRONISMO ENTRE O GENERAL FRANCO E A ESQUERDA REVOLUCIONÁRIA DE PORTUGAL.

Em 19 de Novembro de 1975, morre, aos 82 anos de idade, o general Francisco Franco Bahamonde, ditador católico-fascista de Espanha desde 1939.


De 20 a 27 de Novembro de 1975, a esquerda revolucionária portuguesa (PRP, MES, LCI, UDP, etc.) é derrotada militarmente pelos moderados da burguesia social-democrata (PS, PPD, 6º governo provisório, grupo dos Nove) com a inactivação da Base Escola de Tropas Pára quedistas situada em Tancos, no dia 21, e, em 25 de Novembro, a eclosão da revolta esquerdista dos pára quedistas de Tancos, ocupando as bases Aéreas de Tancos, Monte Real, Montijo e Ota  e o EMGFA, revolta esmagada pelos comandos da Amadora em 26 e 27 de Novembro, com a tomada do Regimento de Polícia Militar na Ajuda e 8 mortos no tiroteio, no dia 26, e a prisão de mais de cem oficiais, constituindo o fim da esquerda revolucionária em armas.

 

Em 19 de Novembro de 2019, no dia em que passam 44 anos sobre a morte do general Franco, símbolo da extrema direita espanhola, morre, aos 77 anos de idade, José Mário Branco, o cantor símbolo da extrema-esquerda portuguesa. Parece haver um sincronismo entre o franquismo, ainda remanescente no partido VOX de Santiago Abascal,  e o esquerdismo anti PCP («anti revisionista») de que José Mário Branco era VOZ. No fundo, o triunfo de qualquer uma destas duas correntes culminaria em ditadura: da grande burguesia católica ou do proletariado, este último depois substituído pela burocracia comunista. 

 

www.filosofar.blogs.sapo.pt

f.limpo.queiroz@sapo.pt

 

© (Direitos de autor para Francisco Limpo de Faria Queiroz)



publicado por Francisco Limpo Queiroz às 17:49
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Daniel Estulín: 2014 é o ...

Dicionário de Filosofia e...

Áreas opuestas 13º-14º de...

Grado 0 del signo de Capr...

Livro «Astrología y Guerr...

O Bloco de Esquerda serve...

27 y 28 de noviembre de 2...

Áreas 4º-8º del signo de ...

Áreas 16º-19º de Sagitári...

Sincronismo de Franco com...

arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Teste de filosofia do 11º...

Pequenas reflexões de Ab...

Suicídios de pilotos de a...

David Icke: a sexualidade...

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds